Batalhão de Caçadores 2863 - C.C.S.

Maio 11 2010

A PASTELARIA SUIÇA DO FINGOÉ

 

O nosso amigo Rebelo é o maior, manda-nos autenticas preciosidades para o nosso blog e para a nossa memória. Quem não se lembra do Café do Francisco, onde nos mementos de lazer, à noite e aos fins de semana, bebíamos o nosso chá de ervas ou um descafeinado,  pois não havia outra alternativa, o Nespresso ainda não tinha sido inventado e a EDP lá do sítio ainda estava para nascer, tinha que ser à luz de uma vela, o que dava um ambiente único, estávamos no mato nos confins do Mundo, mas tínhamos a nossa Pastelaria Suíça, claro sem pasteis, mas com umas empregadas muito atenciosas que chamavam bastante clientela. Nunca soube se eram filhas, netas ou mulheres do Francisco o Rebelo diz que eram as sobrinhas. O homem tinha olho para o negócio.

 

 

e-mail do Rebelo: Casa de chá do "Tio Francisco", no Fingoé, onde se comia um pato com chá de limão que era uma delícia.
 
Atrás ficavam as sobrinhas do Francisco....

 

O Café do Francisco
Boas recordações do Fingoé, já lá vão 40 anos, penso que ninguém esquece, só o descafeinado é que não era de grande qualidade, prefiro uma boa bica das nossas.
Depois do nosso batalhão ter saído do Fingoé constou que o Francisco foi morto por guerrilheiros da Frelimo, duma forma barbara, é a vida.
Um abraço.
Benildo
p>

publicado por Benildo Lopes às 22:24

mais sobre mim
Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
26
27
28
29

30
31


pesquisar
 
blogs SAPO